FICHA TÉCNICA: Director: Fernando Veloso (+258.84.2120415 / +258.828405012 / veloso.f2@gmail.com) * Av. Samora Machel, n.º 11, Prédio Fonte Azul - 2.º Andar, Porta 4, Cidade de Maputo * CANAL i, Lda. (+258.823672025) * CANALMOZ - diário digital * CANAL DE MOÇAMBIQUE - semanário

Cambios

DATA: 27/02/2014

Moeda Compra Venda
EUR 42.63MT 43.49MT
USD 31.03MT 31.65MT
ZAR 2.89MT 2.95MT

Fonte: BCI - 07h36

 

Vídeo da semana

Israel vai expulsar imigrantes clandestinos africanos

À porta de casa

Quadro superior da UNITA assassinado em Benguela

 

É o 27 assassinato político de quadros da UNITA na província de Benguela

 

Pretória (Canalmoz)  - O Secretário Municipal da UNITA, no Bocoio, Januario Armindo Sikaleta, foi assassinado na madrugada de ontem, aparentemente a tiro, reporta o Club-k.net, a partir de Benguela.

 

2011_09_19_002

 

Segundo Vitorino Nhany (na foto), secretário provincial da UNITA, em Benguela, Januário Sikaleta foi assassinado a cem metros da sua casa, há uma hora da madrugada de domingo.

A Polícia Nacional angolana já tomou conta da situação, mas até a altura em que o Club-k.net despachou a notícia a partir de Benguela não havia chegado a qualquer conclusão sobre a autoria material e moral do crime.

Tenente-coronel das FAA, na reserva, Januario Armindo Sikaleta, era membro do Comité Provincial da UNITA em Benguela, e secretário municipal no Bocoio. O malogrado deixa esposa e filhos.

De salientar que desde o memorandum do Luena, que permitiu por termo ao conflito armado entre o MPLA e a UNITA após o assassinato do Dr. Jonas Savimbi, segundo dados fornecidos pela direcção da UNITA em Benguela, este é o 27 assassinato político de quadros naquela província angolana. (Redacção / Club-K.net)